quinta-feira, 4 de dezembro de 2008



Angústia de Morte

Hoje é suicídio.
Deixar a vida, deixar o mundo, deixar tudo.
Busquei o amor, provei o rancor, em nunhum lugar encontrei a imagem que sou eu.

Hoje deixei de existir. Não há registros de mim.
Vou para um lugar que ao menos na terra o buraco me reconheça.

A lápide se encarregará de contar a história de uma sombra no mundo e será revelada a face da morte:
A vida fugaz.

2 comentários:

Carai véi